Conversas de Alpendre, de onde não apetece sair!

Mal o portão se abre, e descobrimos o terreno com vista para o mar, percebemos a paz deste sítio mágico! Depois da quarentena, estes lugares no meio da natureza são ainda mais valiosos! E quantos de nós, durante este tempo de confinamento não pensámos em mudar de vida e ir viver para o campo?

Foi assim mesmo que começou a história das Conversas de Alpendre! Quando nasceu o filho Francisco em 2016, a Marta e o Tiago decidiram fugir de Lisboa e dos empregos que tinham para investir no sonho de criar um turismo rural! Compraram estas Conversas de Alpendre, que encontraram na internet, e  já era um turismo mas não tinha nem um terço da pinta que tem hoje! Ainda se juntaram os avós Cristina e José Carlos, e primos também para ajudar, e vive-se um ambiente familiar maravilhoso que nos faz sentir em casa! Um ano depois de chegarem a Cacela, o Tiago ficou doente e em 2020 a doença venceu! Mas o sonho dos dois está aqui materializado neste lugar mágico, que vos posso recomendar com a certeza que é impossível não amar!

As Conversas de Alpendre são 11  suites, uma com terraço privativo e jacuzzi, um apartamento familiar com cozinha e uma Casa da Árvore deliciosa e perfeita para namorar! Nós ficámos na Suite NO TIE, mesmo em frente à piscina, com um sofá cama onde os miúdos dormiram! A localização do quarto foi perfeita, já que a piscina foi o sítio de onde os miúdos não queriam sair! A água da piscina é aquecida, fica a uns 29 graus, e eu que dou poucos mergulhos porque sou friorenta, amei este conforto que refresca mas não gela! Acho que as piscinas deviam ser todas assim! Como é hotel pequeno e tranquilo, um miúdo pode estar  a dormir a sesta no quarto enquanto estamos na piscina!

Quando chegámos ao fim do dia, as boas vindas vieram com uns sumos naturais da bela laranja do Algarve e com sorrisos. Como não queríamos andar à procura de restaurante, ainda para mais agora em tempos de Covid e sendo este o nosso primeiro desconfinamento, decidimos jantar no hotel. E ainda bem! O menu é surpresa, preparado pelo Chef Gonçalo, é só dizer se queremos peixe, carne e vegetariano e deixarmos-nos levar por uma viagem incrível de sabores! Acho que vou guardar para sempre aquele creme de brócolos com espuma de gelado de pimentos.. parece estranho mas é delicioso! Há menu para crianças, e o mais valioso de tudo, a comida dos miúdos chegou ainda antes das nossas entradas! Amém! Miúdos jantados, e os pais podem jantar com mais calma!

O pequeno-almoço é servido no alpendre à mesa e é maravilhoso! Aqueles sabores portugueses que não falham, tudo fresco e cheio de sabor! Começa com um shot de água quente com limão para purificar o organismo, depois vem o sumo de laranja natural, o iogurte caseiro e a granola, a fruta óptima, uns croissants folhados deliciosos, o pão alentejano, os ovos de mil maneiras diferentes, as compotas caseiras, queijos e charcutaria, e o café com quisermos. Tudo delicioso e a fazer pandan com o ambiente. Na última manhã tomamos pequeno-almoço debaixo da copa de uma árvore e parece que ainda soube tudo melhor!

Um plus destas Conversas de Alpendre é zona onde fica, para mim uma das mais bonitas do Algarve. Se conseguirem sair do hotel, o aviso já que não é fácil nem dá vontade, há muito para passear e descobrir. Cacela Velha é um pequeno paraíso em frente à Ria Formosa com praias praticamente desertas e com areais a perder de vista! Obrigatório uma visita à Praia da Fábrica, ao largo da Igreja Matriz de Cacela e às famosas ostras!

Costumam-me perguntar muitas vezes sítios para passar o fim de semana, e definitivamente as Conversas de Alpendre vão estar sempre no top da lista! Aquele sítio que sei que posso recomendar à vontade  que toda a gente vai amar! A tranquilidade e paz que se vive, a decoração de todo o hotel cheio de pequenos de detalhes, as camas de dossel deliciosas na piscina, a água aromatizada e as toalhas de banho sempre disponíveis, a cama de ferro debaixo duma árvore, a comida deliciosa..Tenho todos os motivos para querer voltar mas hei-de voltar para namorar na Casa da Árvore, onde não pudemos ficar por termos ido com miúdos! Como fica a 6 metros de altura, a estadia é reservada a adultos! Mas pedimos para ir visitar e é um sonho! Deixo-vos imagens para ficarem com a mesma vontade de ir! Acho que temos a desculpa perfeita para voltar, não acham?

Ficaram com vontade de ir? Espreitem o site das Conversas de Alpendre aqui ! E espreitem também os destaques que deixei no Instagram!

Com Amor,

Sofi ♥

Seguir:
Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *