Um pequeno paraíso secreto!

Tenho uma lista de hotéis e turismos rurais a visitar em Portugal, uma espécie de #wishlist! Mas quando nos dá a vontade de passar um fim de semana fora à última da hora, nunca me lembro de ir ver! É como quando queremos ir a um restaurante, e acabamos ir sempre ao mesmo! Também vos acontece?

Na sexta-feira passada, apeteceu-nos fugir de Lisboa! A ideia seria acampar, mas para isso é preciso ter o kit todo montado, e não somos campistas profissionais! Aliás, eu sou mais team #camadehotel! Nada bate o conforto de bom colchão com uns lençóis óptimos de algodão, certo?

Comecei em pesquisas no bendito Booking, pela zona que queríamos ir, Melides e um das primeiras opções foi este pequeno paraíso que encontrámos! Daqueles tão calmos, tão sem redes sociais, tão sem publicidade que até pensei se devia partilhar. Porque todos os negócios precisam de clientes, mas nem todos querem ser conhecidos por muitos. Por isso, façam uso desta descoberta boa com Amor sim?

Se querem luxo, ar condicionado e decoração fancy, não é este o sítio. Aqui respira-se simplicidade, a natureza, uma paz incrível, e o luxo é esse! Este é um turismo ECO! As paredes são de palha rebocadas a barro, tudo com materiais ecológicos, tem uma piscina biológica que serve não só para os hóspedes tomarem banho mas também serve de habitat a sapos, há uma salamandra em cada quarto e o pequeno almoço é servido no pequeno restaurante a uns metros dos quartos! Um pequeno almoço simples e óptimo! Cada vez mais valorizo a qualidade em detrimento da quantidade, e comida que sabe bem! Sumo de laranja, pães, croissants, compota, mel, fruta da boa, um ovo estrelado que vem com flores, abacate, hummus.  Servido com a calma do Alentejo pela Bea e pelo Michael, os donos do hotel!

Guardem este segredo bom para quando precisarem de fugir para o campo, para as praias boas de Melides, para contemplar a natureza, para desligar as crianças das tecnologias e pô-los a caçar rãs! E guardem-no bem! E agradeçam como se agradece a um amigo quando se revela um segredo bonito, contem-me como foi! Eis o Nômade EcoLodge!

(E por simpatia, a quem partilhou uma coisa boa, digam que foi aqui que descobriram! Eu paguei o alojamento, por isso, é mesmo só sermos cuidadosos uns com os outros!)

Sejam felizes!

Com Amor,

Sofi ♥

 

Animais de estimação não são permitidos, só em casos de excepção e com autorização prévia! Falem com os donos, se quiserem levar os vossos mais que tudo de 4 patas!

 

Seguir:
Share:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *